domingo, 25 de novembro de 2012

The Kiss (1956).

 
 
 
 
 
 
 
 
Alfred Wertheimer, The Kiss, 1956



Barbara Gray

 
 
Em 1956, uma jovem conseguiu falar ao telefone com um cantor de rock em ascensão, Elvis Presley. Encontraram-se em Richmond, na Virgínia, onde Elvis, na altura com 21 anos, ia fazer uma actuação no Mosque Theatre. O fotógrafo Alfred Wertheimer captou alguns momentos de intimidade nos bastidores do teatro. Após a morte de Elvis, a sua fotografia plena de sensualidade, a que Wertheimer deu o nome The Kiss, alcançou fama, a ponto de alguns a compararem à célebre imagem que Eisenstaedt captou em 1945, em Times Square. Se a imagem se tornou «icónica»,como agora se diz, o mesmo não aconteceria com a rapariga. Depois do encontro com Elvis, ela recebeu deste um cartão de Natal, nada mais. A identidade da mulher só foi descoberta há pouco: na altura, chamava-se Bobbi Owens. Hoje, é a Srª Barbara Gray. A história, incrível, vem contada na Vanity Fair, aqui.
 
 
 António Araújo

Sem comentários:

Publicar um comentário