segunda-feira, 16 de junho de 2014

Portugal x Alemanha: cem anos a levar na cabeça.







.
.
Nas vésperas do histórico confronto com a Alemanha Federal,
Fábio Coentrão encontrava-se no auge da sua libido de mancebo expedicionário


E foi com galhardia que os bravos do CEP vasculharam as trincheiras em busca da inocência de Duarte Lima

Observação de ornitorrincos no seu habitat natural.
Em primeiro plano, o juiz Carlos Alexandre na companhia do casal McCann.  

Em chegando Junho, o Sr. Ministro Aguiar Branco nunca perdia uma photo opportunity na Flandres

Manobras. José Pacheco Pereira e outro franco-atirador (não identificado)

A EuroDisney nunca mais foi a mesma após a passagem da missão da troika

Foi com muita surpresa que o FMI registou a extraordinária adesão popular ao Rock in Rio

À chegada ao Parlamento, Vítor Constâncio recusou comentar eventuais falhas de supervisão.
«Isso é lá dentro, na comissão», referiu aos jornalistas o ex-governador do Banco de Portugal


Entretanto, na Madeira, o Tribunal de Contas prosseguia a sua auditoria aos buracos da Zona Franca

 O Soldado Milhões aproveitou todas as tardes de licença para se dedicar ao que mais amava:
o birdwatching. 

Alvíssaras!, gritou a menina.
Tinham chegado os homens da Ongoing.

Que surpresa nas redacções quando se soube do amor platónico
de Assunção Cristas pelo Pde. Tolentino!

Abandonado em combate, Jorge Silva Carvalho pôde então dedicar-se
à sempre adiada pós-graduação em Facebook. 

 Até os politólogos concordaram com as previsões de Medina Carreira.
Melhorias no mercado de arrendamento? Só com uma reforma estrutural - ou mesmo duas.   

Esta foi tirada em St. Floris, 1918, quando soldados e praças reivindicaram um café com SportTV. 

Muito gosta D. Januário Torgal de se disfarçar de Clemenceau!

Apesar dos 7-0, a Selecção Portuguesa nunca desistiu de lutar pelo tento de honra

CR-7 (o olhar saudoso dos refogados de Dona Dolores.)  

  Descoberto em Arroios por Felícia Cabrita, 
uma imagem rara do grande estratega dos ballets roses: DSK.

Às noites, o Palácio de São Bento revelava-se demasiado pequeno para os sonhos de Isabel Moreira 










Imagens: Colecção Particular

3 comentários:

  1. A Isabel Moreira com acesso às drogas, licitas, evidentemente!!

    ResponderEliminar