terça-feira, 9 de julho de 2019

A desonra dos padrinhos.

 
 
 
 
















Há muitos livros sobre a Máfia, mas agora estou a ler este The Honoured Society, de Petra Reski, e a seguir conto ler Mafia Life, de Federico Varese. No livro de Petra Reski, uma investigação de ENORME CORAGEM, está tudo: a organização horizontal da máfia calabresa, a 'Ndrangheta, mais eficaz do que o verticalismo da Cosa Nostra da Sicília (aqui, se um cai ou fala, a pirâmide desmorona-se), mas também as ligações políticas (o que o governo de Prodi fez em prol do crime organizado, espantoso!), a cumplicidade de certos sacerdotes, os códigos de honra e as matanças, quase sempre por estrangulamento. Também a memória de Giovanni Falcone e de Paolo Borsellino, óbvio. E, a dado passo, referência a outra mulher de ENORME CORAGEM, Letizia Battaglia (n. 1935), e as suas imagens do rasto de sangue que há décadas, há séculos, a Máfia vai deixando pela Itália inteira – e por outros lugares deste mundo, um lugar estranho.




Sem comentários:

Publicar um comentário