quarta-feira, 16 de agosto de 2017

A Besta Quadrada Volta a Atacar.

 
 
 

 
Já é a segunda vez, pelo menos, que este humorista sem graça tenta fazer piadolas com o cancro de um ser humano. O alvo é sempre o mesmo ser humano, uma pessoa que tem um nome e um rosto. Chama-se Laura Ferreira, antes sequer de ser mulher de Pedro Passos Coelho. Laura Ferreira, li nos jornais, luta pela sobrevivência, sofre, tem dor, tem metástases no pulmão, fez sessões de quimioterapia. Por causa disso, perdeu o cabelo, como acontece a tanta, mas tanta gente, que é tratada por quimioterapia. Pois este rapaz humorista achou graça gozar com isso, o que é desumano, idiota e vil. O moço acha piada a que alguém perca o cabelo por estar a fazer quimioterapia. Tem, de facto, muita gracinha, fartámo-nos de rir muito, muito – e, sobretudo, desejamos ao senhor João Quadros e Família que nunca tenham um cancro com metástases, que nunca percam o cabelo por terem de fazer quimioterapia, lutando pela vida, com a morte a rondar por perto. Oxalá os filhos do senhor Quadros nunca sofram aquilo que, adivinhamos, os filhos de Laura Ferreira estão a sofrer nestes dias e anos todos. Oxalá este imbecil nunca perca o cabelo, pois a graça já a perdeu toda. Aliás, nunca a teve, coitado. Talvez seja essa a razão de tanto ódio e ressentimento. Talvez isto seja apenas para causar escândalo, para que falem dele e saibam que existe e está vivo, no meio da silly season e dos fogos de Verão. João frustrado e azarado, João Quadrado. Uma besta em forma de gente.

9 comentários:

  1. E é importante, até teve direito a uma "posta" no Malomil.

    ResponderEliminar
  2. Duas, aliás. É a segunda vez que é falado aqui.

    Cordialmente,

    António Araújo

    ResponderEliminar
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  4. O homem só foi criado, não educado.

    Aproveito para lhe perguntar onde lhe posso enviar duas pequenas (espero) perguntas sobre memorialistas e sobre o seu livro Da direita... (Dois interesses meus e morando na Suiça desde 91 o seu livro foi útil e interessante. A parte as cãimbras por causa das notas no fim e quantidade de vezes que parei para verificar referências... Não consegui encontrar o seu contacto.

    gil.oliveira@thaumazein.net

    ResponderEliminar
  5. Muito obrigado. Se me puder enviar um e-mail para o endereço do blogue (malomil.brindes@gmail.com), agradecia.

    Cordialmente

    António Araújo

    ResponderEliminar
  6. Obrigado. Escrevo assim que tiver tempo de encurtar, que leva mais tempo de fazer curto que longo :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Combinado!

      Um abraço cordial

      António Araújo

      Eliminar
  7. A sua indignação é mais do que justa e verdadeira... é humana. Mas como Luis Eme ironizou, não alimente os trolls.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigado pelo seu comentário, a que dou inteira razão.

      Cordialmente,

      António Araújo

      Eliminar