terça-feira, 14 de julho de 2015

Grandes Enigmas da História: o nunca resolvido caso dos palitos à la reine.

 
 
 
 
Lisboa, 16 de Outubro de 2007
Exma. Senhora Directora da Lux:
Fui informado de que a revista que Vª Exª dirige publica um texto nesta edição em que diz que eu teria trocado mensagens telefónicos e envios, pelo ar, de pedaços de «palitos à la reine» com Cinha Jardim, durante o espectáculo de Rod Stewart, no Casino Estoril.
No que me respeita, Senhora Directora – e só por mim posso falar – a notícia é completamente falsa.
Não é que a falsidade seja grave. Mas sendo falsidade, e envolvendo relações entre pessoas, não deve passar em claro. Por acaso, reparei que a Senhora Directora e eu, estávamos na mesma mesa, mas, seguramente, não é essa a origem da notícia.
Foi, obviamente, um equívoco.
Sabendo da sua preocupação com a verdade, sei que não é necessário invocar as normas adequadas da Lei de Imprensa para que este esclarecimento seja publicado.
Com os melhores cumprimentos,
Pedro Santana Lopes
 
Nota da Redacção: A insinuação de Pedro Santana Lopes (PSL) é grave e descabida. A directora da Lux esteve, de facto, neste evento, mas numa das primeiras cadeiras da referida mesa, ao passo que PSL estava quase ao fundo da sala. Como tal, seria impossível à directora da Lux ter presenciado o que quer que fosse, a não ser que se posicionasse de costas para o palco e deixasse de assistir à actuação de Rod Stewart. Além disso, como PSL bem sabe, uma equipa da Lux estava na mesma sala, essa sim a trabalhar, e reafirma que voaram palitos la reine na referida mesa. Se o acto foi unilateral, lamentamos o pequeno lapso.
 
  
 

10 comentários:

  1. Provavelmente uma questão" familiar".O seu antigo patrão expelia (?)alegremente pedaços de bolo rei pela boca enquanto falava.

    ResponderEliminar
  2. Passe à frente, já estamos em 2015

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, claro. Ambos agora já devem ser dois adultos bem comportados.

      Eliminar
  3. Respostas
    1. Eu acho que o problema do Antonio Araujo com o Santana Lopes tem um nome : pura inveja. Um problema que não é apanagio dele. Na verdade, é banalissimo e ha inumeras ilustrações por ai, em Portugal e também no Jet Set Internacional. Eu mesmo, que estou aqui a falar, e que nem pertenço ao Jet Set nem nada, devo confessar que me consumo de inveja. Alias é muito simples, de cada vez que ele aparece, vem-me uma graçola estupida à mente. Não consigo reprimi-lo.

      Boas

      Eliminar
  4. Ora essa, atacar PSL é dever de qualquer cidadão probo. Não se percebe é a necessidade: o Pedro ataca-se a si próprio diariamente, sem precisar de ajudas.

    ResponderEliminar
  5. Concordo plenamente com João Viegas.Eu também sofro do mesmo.Tenho Torlonis ups toneladas de inveja.Razões não faltam para além da dita atriz.Há outras Torlonis quero dizer razões como nunca ter precisado de pagar casa.Pensem nisso aliás creio que talvez seja uma das razões que o levem a pensar na presidencia.O Palácio de São Bento é um dos poucos onde ainda não morou.(Lisboa claro)É ou não?
    Mantenho o que que aqui já disse apesar de tudo seria melhor que manter o atual .As festas retiam mais piada no palácio.

    ResponderEliminar
  6. É disto que falam a propósito de PSL atacar-se a sí próprio ?
    http://youtu.be/RBynXo3UQN0

    ResponderEliminar
  7. PSL é um conquistador como Don Afonso Henriques.
    Tem no seu portfólio vários castelos que se consideravam inexpugnáveis.
    Lembremos, Lisboa, São Bento, Santa Casa, Figueira.
    Este (Cinha Jardim) deve ter sido dos mais difíceis.
    Daí estas armas de destruição massiva.

    ResponderEliminar