sexta-feira, 24 de julho de 2015

Portugueses a fazerem coisas que os fazem felizes.

 
 
Além do iodo das praias, converter pagãos faz muito bem às cruzes.   
Na imagem, aspersão de menir do antigo culto a Narciso Miranda (Neolítico de Matosinhos).
Turista sérvio ao fundo, ostentando na mão esquerda mandato de captura do TPI.
Em todos os presentes, em doses variáveis, a marca inconfundível da micro-felicidade triste.
  Portugueses a fazerem coisas que os fazem felizes.   
 
 

1 comentário:

  1. ora bem,....os presentes não desmerecem da ironia utilizada :)

    ResponderEliminar