sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

De profundis.

 

 
 
 
 “A uma conclusão podemos chegar juntos: a morte nunca nos deixa viver até ao fim o último dia da nossa vida”
 
Luís Osório, in Sol/Tabu, de 12/12/2014
 
 
 

1 comentário: