sábado, 23 de junho de 2018

El Sueño Americano.

 
 
























 

         Outra notícia vinda da Rita Canas Mendes (obrigado). Tom Kiefer trabalhou no Arizona, de 2003 a 2014, perto da fronteira com o México. Notou que os agentes dos serviços de imigração deitavam fora milhares e milhares de objectos apreendidos aos que tentavam passar a fronteira. O resultado do projecto El Sueño Americano é impressionante: pastas de dentes, virgens de Guadalupe, garrafas de água para o calor abrasivo, bonecos de peluche, blocos com desenhos infantis. Demagógico? Talvez. Mas é a realidade vivida, sem adornos nem ademanes. Em próxima reportagem, talvez Kiefer fotografe crianças presas, amontoadas ao lado de sabonetes, óculos de sol, navalhas e canivetes. Já ninguém lê Os Filhos de Sánchez, de Oscar Lewis, creio eu. Mas que eles andam a ser tratados como objectos parece-me indubitável. Tristemente indubitável.
 
 
 

 

Sem comentários:

Publicar um comentário