quinta-feira, 11 de julho de 2013

Multi-compreensão adaptativa.

. . .
.


.

 
 
Eis chegado o Verão, mais um. Afixam-se as notas nas pautas, fazem-se contas à vida, preparam-se as inscrições no Ensino Superior. Muitos jovens estão perdidos, incertos quanto ao caminho que irão trilhar. Que curso escolher? Malomil recomenda Reabilitação Psicomotora, na Faculdade de Motricidade Humana. De que se trata? A palavra à instituição: «A licenciatura em Reabilitação Psicomotora tem como objectivo último aformação de um profissional (Licenciado em Reabilitação Psicomotora -Psicomotricista) que actua num campo interdisciplinar e cuja intervenção visaresponder efectivamente a muitas situações nas quais a adaptação está multi-comprometida, e onde é indispensável uma compreensão interligada dofuncionamento do sujeito nos seus vários domínios comportamentais
         Jovem, não sejas tótó: torna-te Psicomotricista (de pesados). Para já, para já, actuarás num «campo interdisciplinar». Depois, terás uma intervenção que visa responder – e visa responder efectivamente, atenção – ao quê? «A muitas situações nas quais a adaptação está multi-compreendida». Com uma adaptação multi-compreendida, quem não arranjará um emprego decente? Mas, não contente com isto da multi-compreensão, o Curso fornece, nada mais, nada menos, do que «uma compreensão interligada do funcionamento do sujeito nos seus vários domínios comportamentais». Adaptação multi-compreendida e compreensão interligada, dois vectores estratégicos da aprendizagem da ciência da Psicotristecomicidade. Ganda curso, man! ‘Bora aí inscrever, people, vamos nessa!
 
 
Com toda a multi-compreensão adaptativa,
 
António Araújo





4 comentários:

  1. Atenção António, tu multi-compreendeste mal. Trata-se de multi-comprometimento e não de multi-compreensão. Assim vale mais a pena o curso.

    P.S.: Há uma promoção de óculos de grau numa ótica da Baixa.

    ResponderEliminar
  2. Com o devido respeito, faltam aí clusters. Readaptado ao discurso político moderno ficaria então:

    "A licenciatura em Reabilitação Psicomotora tem como objectivo último aformação de um profissional (Licenciado em Reabilitação Psicomotora -Psicomotricista), enquanto pilar de um cluster de psicomotricidade, que actua num campo interdisciplinar e cuja intervenção visa responder efectivamente a muitas situações nas quais a adaptação está multi-comprometida e os clusters fragmentados, e onde é indispensável uma compreensão interligada do funcionamento do sujeito nos seus vários domínios comportamentais e da sua ação e interação no âmago dos clusters."

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agora deu para entender. Obrigado.

      Eliminar
  3. Faltou acrescentar "de forma sustentável" .

    Pode-se acrescentar em qualquer ponto do texto , tanto faz e fica sempre bem .

    ResponderEliminar